sexta-feira, 27 de março de 2009

Assembleias de Deus na África pretendem batizar 10 milhões de pessoas

A Aliança Africana das Assembleias de Deus (AAAD) estabeleceu o objectivo de baptizar 10 milhões de crentes dentro de um período de 10 anos, relata a agência noticiosa da denominação.
Os líderes africanos das AD comprometeram-se com a “Década de Pentecostes” numa reunião da AAAD que ocorre uma vez a cada quatro anos, realizada em Joanesburgo, na África do Sul, no início deste mês.
O “Actos em África”, um ministério que visa incentivar o reavivamento Pentecostal nas Assembleias de Deus em África, trará iniciativas para conduzir a Década de Pentecostes.
Durante a Década de Pentecostes, que terá início em 2010 e prosseguirá até 2020, as igrejas das Assembleias de Deus mobilizar-se-ão para missões mundiais com a visão de alcançar com o Evangelho povos “ainda por alcançar” em África e no Mundo, de acordo com a AG News.
As estratégias da AAAD para atingir sua meta incluirão um Dia Anual de Pentecostes altura em que cerca de 48.000 pastores das AD serão desafiados a pregar sobre o “baptismo no Espírito Santo e a missão de Deus” e a orar com os fiéis para serem preenchidos pelo Espírito Santo.
Há cerca de 16 milhões de membros das AD reunidos em mais de 50.000 igrejas de 50 países na África Subsariana e da Bacia do Índico, de acordo com a denominação. Em 1990 havia apenas 2,1 milhões de membros e 12.000 igrejas.
A Assembleias de Deus é a maior denominação pentecostal do mundo com 57 a 60 milhões de aderentes.
Há três décadas atrás o total combinado dos pentecostais e carismáticos era inferior a 5 por cento. Agora perfazem cerca de 17 por cento da população de África – ou cerca de 147 milhões de pessoas, de acordo com um estudo de 2006 do Pew Forum que destacou o forte crescimento do movimento dentro de meio século.
“A dramática expansão do Pentecostalismo atingiu quase toda a África subsariana”, afirmou o Pew Forum. “Se as igrejas pentecostais continuarem a crescer em números e activismo, o extenso impacto político da comunidade vibrante pentecostal em África tornar-se-á cada vez mais difícil de ignorar.”
O relatório do Pew Forum sobre o Pentecostalismo em África era um de três partes, que analisaram também o crescimento do movimento na Ásia e na América Latina.
Fonte: Gospel +

0 comentários:

Postar um comentário

Caro internauta, fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. Deus te abençoe!

 
Powered by Blogger