segunda-feira, 22 de março de 2010

Não Use Fundo Musical em pregação! É Modismo.

No ano passado foi publicado em meu blog um post alertando a igreja sobre o uso indiscriminado e equivocado de fundos musicais durante a pregação da Palavra de Deus. O texto intitulado Fundo Musicais em Pregações? Conheçam o Perigo desse Modismo (Leia aqui), revelou que muitos pregadores têm levado musicas da Nova Era para dentro de nossas igrejas, como é o caso da conhecidíssima canção "Adagio In C Minor" de Yanni Chrysomallis (Escute aqui) que é largamente tocada nos congressos de Camboriú-SC e executada como fundo musical por diversos pregadores pelo país.

Como era de se esperar, surgiram vários comentários de internautas, dentre eles muitos obreiros e pregadores, que se manifestaram calorosamente contra e também a favor do uso de um fundo musical no momento das preleções. Todavia, deixei bastante claro a todos que, independente de qualquer coisa, essa prática é um artifício puramente humano, e tem como objetivo apelar para as emoções e sentimentalismos das pessoas.

Assim, com o objetivo de aclarar o entendimento de outras pessoas sobre essa nociva prática que está em voga atualmente nos arraiás evangélicos, irei postar, um de cada vez, os comentários deixado por leitores sobre este assunto juntamente com minhas respostas a todos eles (recomendo que após a leitura desta leia também a postagem original aqui). Boa leitura!


COMENTÁRIO 1

SV disse:

Ora, pois, trazei-me um tangedor. Quando o tangedor tocava, veio o poder de Deus sobre Eliseu. 2 Reis 3.15

Não há nada de errado se usar um fundo musical para que o Espírito do Senhor flua... Não acredito que seja apenas modismo... Eliseu usou este recurso há muitos anos atrás... Quanto ao fundo musical usado nos gideões também não acredito que seja errado pelo fato deste homem ainda não ser um cristão... Afinal, o Senhor não usou Nabucodonosor para os seus objetivos; não usou Mel Gibson para fazer um filme? Deus usa quem ele quer usar... e sobre fundo musical também não tem nenhuma palavra que diz algo contra a vontade do Senhor Jesus. A Bíblia também fala que o Senhor usou uma viúva de Serepta, uma gentia para abençoar Elias por não encontra no reino de Israel alguém que estivesse com o coração aberto... Alias a turma até quiseram lançar ele no precipício por causa disso... Além do mais Deus não iria se manifestar de tão grande forma como se manifesta no gideões se o fundo musical estivesse entristecendo o Espírito Santo de Deus que é estremamente sensível... E, a unção que vem das pregações do gideões é inquestionável por toda pessoa que tem o Espírito Santo de Deus...Vamos orar por esse músico para que ele se converta já que muito dos músicos evangélicos estão pensando somente em ganhar dinheiro cantando músicas que mais parecem marchinha de carnaval...
É somente a minha opinião, uma opinião diferente...não vão me crucificar por causa disso.
Um abraço a todos os irmão. Fiquem na paz do Senhor

MINHA RESPOSTA

Gleison Elias Pereira disse...

SV, a Paz do Senhor!

Fique tranquila que ninguém vai te crucificar aqui! Seja sempre bem vinda aqui para expor suas opiniões. Parabéns por sua coragem em expor suas idéias. O diálogo é uma excelente ferramenta de aprendizado.

Quanto ao referido assunto, com todo respeito, seu pensamento em relação ao mesmo está equivocado. O versículo que você tomou isoladamente não justifica a prática de se usar fundo musical durante a pregação da Palavra de Deus.

2 Reis 3.15 refere-se especificamente a um caso onde reis foram consultar o profeta Eliseu que após ouvir a melodia daquele instrumento recebeu a revelação da Palavra de Deus a fim de transmiti-la àqueles reis. Não existe neste versículo ou em todo capítulo uma só palavra apoiando essa prática tão em moda nos dias de hoje.

Aliás, após aquele instrumento ser tocado, o único que foi cheio do Espírito foi Eliseu, e isso para receber a revelação de Deus porque era profeta. Hoje em dia é totalmente diferente, pois os pregadores usam deste recurso para lograrem êxito em suas preleções. Fazem isso tentando colocar "fogo na igreja". Isso é pura imaturidade e falta de preparo espiritual.

Porque esses pregadores não seguem o exemplo do apóstolo Pedro em Atos 10.44? Esse texto diz que Pedro apenas pregava o Evangelho, sem fundo musical ou qualquer outro modismo, quando derrepente, o Espírito encheu Cornélio e todos que estavam em sua casa. "E, dizendo Pedro ainda estas palavras, caiu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra (Atos 10.44)".

Outra coisa, o Espírito Santo não depende de melodias, instrumentos ou fundos musicais para poder se manifestar ou operar no meio da igreja. Para ser cheio o crente precisa é de Palavra e muita oração. "E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus (Atos 4.31)".

Quanto ao tipo de músicas que nós devemos ouvir ou cantar, a Bíblia recomenda que seja apenas as espirituais: "...salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao Senhor com graça em vosso coração (Colossenses 3.16)". Assim, musicas mundanas ou pagãs em nossos cultos é profanação. Portanto, é pecado sim!

Outra coisa,
Deus usou Nabucodonosor como um instrumento apenas para cumprir Seu soberano propósito para com o seu povo de Israel e para mostrar a este rei que só Deus é o SENHOR de toda a terra. Apenas Isso não garantia salvação ao rei Nabucodonosor, pois ele era pagão e deveria primeiramente se arrepender dos seus pecados e adorar somente a Deus para ser salvo.

Já o Mel Gibson, ele é católico apostólico romano e idólatra. Até onde sei esse filme não produziu avivamento em lugar nenhum. Não ouvi falar de pessoas em massa que saíram dos cinemas profundamente arrependidos e desejosos de aceitarem ao Senhor Jesus como Salvador após assistirem o filme. Se você percebeu nesse filme, Mel Gibson deu um destaque a mais na pessoa de Maria, dando assim uma perigosa abertura a mariolatria.

Eu tenho um profundo respeito aos projetos de missões dos GMUH. Já não posso falar a mesma coisa a respeito do congresso "missionário". Você vai concordar comigo que tem muito show e estrelismo naquele congresso. Não vou dizer de todas, mas não existe "unção" em algumas pregações que saem dali, existe sim muito movimento.

SV, espero ter contribuído com as minhas palavras. Que Deus te abençoe!

Um abraço e volte sempre!


Gleison Elias Pereira

12 comentários:

Francinaldo Martins disse...

Eu sou da Assembléia de Deus no Amapá, e já vi pregadores de outro ministério usando fundo musical. Achei bonito no começo, mas veio depois uma pergunta: Porque um fundo musical em uma pregação? Dar emoção ou impressionar?
Ouvi o fundo musical Adagio In C Minor do Yanny, antes eu pensei que era de autoria de um músico evangélico ou cristão, mas quando pesquisei na Internet veio a surpresa! O camarada o Yanni era da Nova era e aí eu fiquei com o pé atrás e comentei com quem antes já tinha usado o fundo musical na congregação em que faço parte e ele ficou também com o pé atrás. Parabens Pastor por divulgar isto no seu blog. Não vamos deixar satanas entrar na igreja e cativar o povo de Deus.
Francinaldo Martins
Congregação Promessa de Deus
Asembleia de Deus A Pioneira Macapá/Amapá

Anônimo disse...

fiquei em duvida agora pois pela misericordia de DEUS quando eu prego sempre coloco este fundo musical e DEUS opera e almas se rendem aos pes do senhor jesus NAO PELO FUNDO MUSICAL

Anônimo disse...

PALHAÇADAAAAAAA O QUE FOR MALDIÇAO DEUS TRASFORMA EM BENÇAO

Gleison Elias Pereira disse...

Prezado Anônimo,

Não há porque ficar em dúvidas. Se Deus opera salvando almas quando você prega, é porque o compromisso de Deus é unicamente com Sua Palavra e não com esse fundo musical. Além de tudo, a Bíblia diz que “Deus não leva em conta os tempos da ignorância, Atos 17.30”. Porém meu irmão, a partir de agora você já não é ignorante acerca desse assunto; portanto, seu compromisso deve ser com a Palavra de Deus.

Pergunte a você mesmo. Será que para Deus operar é preciso ter fundo musical? Deus está limitado ao uso de fundo musical? Os maiores pregadores e avivalistas que este mundo já teve, tais como C. H. Spurgeon, Charles Finey, D. L Moody, John Wesley e tantos outros precisaram usar fundo musical? Será que os cultos só ficam avivados se tiver fundo musical? É claro que não meu amigo!

Se você meu prezado anônimo está limitado ao uso de fundo musical, é porque seu ministério ainda é superficial. Você precisa amadurecer mais nos caminhos do Senhor. Se o Poder de Deus é manifesto na igreja somente quando você prega com fundo musical, é porque você precisa passar mais oras em oração e comunhão com Deus. Eu falo isso para te ajudar!

Portanto, saiba que o uso de fundo musical é uma afronta à igreja do Senhor, pois isso é um artifício utilizado por pregadores para emocionar as pessoas. Foge dessa prática enquanto há tempo!

Que o Senhor te abençoe e te use poderosamente sobre essa terra!

Anônimo disse...

acho esse toque muito lindo e acho que se usarmos de forma certa Deus vai continuar operando, nao importa quem compos...

Anônimo disse...

usar músicas consagradas a Deus em pregações tudo certo mas consagradas ao diabo não

Anônimo disse...

A paz do Senhor!
Tudo bem meu amado irmao?
gostei dos seus comentarios acerca da utilizaçao de fundo para pregaçoes, concordo contigo em grau e gênero: por que?
1- Deus esta procurando homens desprovidos de sentimentos carnais e principalmente temporais para manifestar a sua gloria
2- hoje o cristianismo vive uma crise de identidade, pois homens que alcançaram por DEUS PORTASabertas para proclamarem seu nome e sua palavra e influenciarem uma naçao se perderam no meio das luzes , fumaça e palco, esqueceram das igrejas simples e hoje se gladiadiam entre para pregarem em grandes catedrais.
3- quem assiste videos do youtube sobre pastores pode acontecer duas coisa : se esfriar espiritualmente( pois e uma tal de a falando mal de b e ai vc assiste cgmhu estao sentados um do lado do outro trocando cortezias) dois pecados falsidade e inveja.
outro porem e a falta de pregadores do verdadeiro evangelho, e uma auto - aclamaçao que chega a dar nojo.
mas o que me entristece e que os futuros pregadores ja nascem enfermos, pregadores de auto - ajuda, vendem o evangelho distorcem a palavra e seu efeito eficaz. Pois Cristo disse: conhecereis a verdade e a verdade vos libertara.
o que vejo na igreja de hj , com toda tecnologia e portas abertas para evangelizaçao que ha 30 anos nao tinhamos toda essa influencia mas nossas igrejas eram cheias do poder e milagre de deus. Estamos na tv, radio, internet, faceboock, twinter, e estamos cheio de fermento.
admirava um grande pregador que Deus levantou do nada abriu - se para ele portoes de bençaos, chegou a lugares que ele nunca com certeza sonhou chegar,
e nos ultimos dias assiste um video , em que confesso me entristeci, aquele vaso cheio do poder no meio do palco , das fumaças e luzes dançando com um artista deste mundo e muitos crentes assoviando e pedindo para ele dar uns passinhos. te pergunto? estamos ou nao em tempos de crise?

Oesly Nunes disse...

Amado, o evangelho tem que ser puro devemos buscar, a unção, a diferença só vai ser percebida, o Espírito de Deus só vai descer se tivermos horas e horas de comunhão com ele... Mas atualmente eu tenho gostado muito do fundo musical usado pelo Pr. Yossef Akiva, é uma benção esse fundo, mano não tem nada a ver com PRÁTICA NOCIVA, amado irmão que mal tem em você ser acompanhado por um fundo baixinho de um piano enquanto ministra a palavra de Deus, DEUS USA PESSOAS DE VARIAS FORMAS, PEDRO FOI PEDRO, JESUS FOI JESUS EU SOU EU VOCÊ É VOCÊ, Jesus usa cada de uma maneira diferente... se não tiver Oração pode colocar o fundo que for até pocar os tímpanos, não vai gerar Efeito nenhum do EVANGELHO!!! COM FUNDO OU SEM FUNDO O QUE IMPORTA É QUE O NOME DO SENHOR SEJA PREGADO!!!

Gleison Elias Pereira disse...

Prezado Oesly, Paz do Senhor.
Leia este artigo também para você compreender o completamente meu pensamento sobre este assunto: http://gleisonelias.blogspot.com.br/2011/02/fundo-musical-e-pregacao-uma-mistura.html

lucas rodrigues disse...

Salmos 22.3: “tu és Santo, o que habitas entre os louvores de Israel”. Deste versículo depreende-se que o Senhor habita no meio dos louvores. Mas observe que Ele habita entre os louvores,

lucas rodrigues disse...

Salmos 22.3: “tu és Santo, o que habitas entre os louvores de Israel”. Deste versículo depreende-se que o Senhor habita no meio dos louvores. Mas observe que Ele habita entre os louvores,

Fabio Ramos disse...

Paz a todos,respeito quem é contra o fundo musical, mas olhem bem,o diabo não brinca de ser diabo,ele usa de várias maneiras para acabar conosso, o fundo músical alem do Espírito Santo na minha opinião inspira mais o pregador preenche um vazio quando o pregador fica sem falar e de fato emociona, se o fundo tbm é uma estratégia para ganhar almas por q não usar....
Fica a dica >>Podemos modernizar, mas sem mundanizar<<

Postar um comentário

Caro internauta, fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. Deus te abençoe!

 
Powered by Blogger